“Dia Mundial do Autismo é oportunidade para construir uma sociedade mais inclusiva”

5/04/2019 | Inspiração | 0 Comentários

Em entrevista, psicóloga Joana Portolese destaca a melhora na detecção precoce e na capacitação de profissionais no Brasil

A psicóloga Joana Portolese, membro da comissão científica do Autismo e Realidade, foi a entrevistada na estreia do programa Inclusive da TV Alesp para falar sobre o Dia Mundial do Autismo. Integrante da entidade desde a sua formação, Joana Portolese destacou a evolução significativa do Brasil nos últimos anos na detecção de casos de autismo e na capacitação de profissionais de saúde e de educação para atender pessoas com TEA. “Celebrar o Dia Mundial do Autismo e o Abril Azul é muito importante para trabalhar a conscientização sobre o distúrbio, quebrar estigmas e preconceitos e construir uma sociedade mais inclusiva”, comenta Joana.

Para a psicóloga, vale destacar o exemplo das escolas que têm buscado mais informações sobre o TEA para capacitar melhor os seus professores e ajudar na inclusão de autistas na sala de aula. “Mas ainda temos muito o que evoluir no conhecimento da população sobre o TEA, no atendimento pelo sistema de saúde público, na inclusão no mercado de trabalho e nas políticas públicas”, complementa.

Detecção precoce do autismo melhora muito o desenvolvimento das crianças

A psicóloga explicou que o Autismo e Realidade, em parceria com o Instituto PENSI, atua de três maneiras no campo do Transtorno do Espectro Autista: na capacitação de profissionais de saúde, na pesquisa científica e na divulgação de informações para o público geral. “Na capacitação, nós realizamos simpósios e workshops para pais, cuidadores e profissionais. Já na pesquisa são projetos com foco no diagnóstico precoce do transtorno, porque sabemos que o quanto antes identificarmos os sinais do TEA, mais cedo se inicia o tratamento e melhor será o desenvolvimento da criança”, explica Joana. O trabalho de conscientização é feito pelo site do Autismo e Realidade e também por ações como a exposição de fotos “Meu Super-Herói” e a distribuição de cartilhas sobre autismo.

Assista o vídeo aqui

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *